Publicidades

Prorrogadas inscrições dos Prêmios Mestres da Educação e Escola de Valor

A Secretaria de Estado da Educação e da Ciência e Tecnologia (SEECT) prorrogou até o dia 19 de julho as inscrições para os prêmios Mestres da Educação e Escola de Valor. O objetivo é possibilitar a participação do maior número de professores e gestores. A prorrogação foi publicada no Diário Oficial do Estado (DOE) no dia 13 de julho.
Os professores devem ter carga horária de sala de aula registrada no Sistema de Acompanhamento Pessoal (SAP) e estarem lotados em escolas da rede pública estadual da Educação Básica. Confira o edital através do link

Inscrições

As inscrições, que iniciaram no dia 29 de junho, poderão ser feitas exclusivamente no endereço eletrônico. Podem participar professores e gestores em exercício na rede pública estadual da Educação Básica.
A inscrição será exclusivamente por meio de preenchimento de formulário eletrônico, sendo obrigatório que o professor e o gestor escolar informem o e-mail que utiliza no Sistema SABER.
Através do formulário o candidato envia o seu projeto como professor, no caso do Mestres da Educação, e o Projeto de Intervenção Pedagógica (PIP), no caso do Escola de Valor, elaborados para o ano de 2019, em consonância com os requisitos estabelecidos no Edital. Este procedimento é condição indispensável para a emissão do comprovante com número que identifica e confirma a inscrição do professor no Prêmio Mestres da Educação e da escola no Escola de Valor.
A Secretaria de Estado da Educação e da Ciência e Tecnologia disponibiliza guia de orientação para elaboração dos documentos exigidos nos editais que regem os Prêmios. O guia está disponível no novo site dos prêmios, ou pode ser acessado diretamente através do link.
A homologação da inscrição dos professores e das escolas públicas nos prêmios ocorrerá no dia 19 de julho de 2019, no endereço eletrônico e dar-se-á após confirmado o envio do projeto do professor e do PIP da escola no ato da inscrição.

Iniciativa

Os prêmios são uma iniciativa do Governo do Estado que consistem no fomento, seleção, valorização e premiação das experiências administrativas e práticas pedagógicas exitosas, resultantes de ações integradas e executadas por profissionais de educação em exercício e lotados nas escolas públicas estaduais de Educação Básica, e que, comprovadamente, estejam tendo sucesso no enfrentamento dos desafios no processo de ensino e de aprendizagem.
Em 2019, os prêmios farão alusão ao Ano Cultural Jackson do Pandeiro. Em 2018, 212 professores receberam as duas premiações que garantiram o 14º e 15º salários.