Publicidades

Criança morre após ser prensada por caminhão em cerca

Uma menina de um ano e nove meses morreu após ser prensada pela roda de um caminhão em uma cerca na Zona Rural do distrito de Galante, em Campina Grande, na manhã desse sábado (31). Uma avó da garota também se feriu na ocorrência ao tentar salvá-la. Este é o segundo caso em menos de uma semana em que uma criança morre na Paraíba após ser atingida por um caminhão.
Segundo o delegado Gilson Teles, da Polícia Civil, que está à frente das investigações do caso, o condutor do caminhão havia ido entregar canos de PVC para o pai da vítima.
“Depois que ele descarregou o material, ao se preparar para ir embora, girou o volante para manobrar o veículo e, nesse momento, uma das rodas do caminhão acabou atingindo a criança, prensando-a contra uma cerca”, contou o delegado, que acrescentou que, ao ouvir gritos da menina, a avó dela, de 51 anos, correu para o local, mas acabou escorregando e, ao cair, teve uma das pernas atingida pelo caminhão, sofrendo fratura.
As vítimas foram socorridas para o Hospital de Emergência e Trauma Dom Luiz Gonzaga Fernandes, em Campina Grande, mas a menina acabou não resistindo aos ferimentos e falecendo. A avó seguia internada na instituição até a manhã deste domingo (1º), mas o estado de saúde dela não foi informado.
O motorista do caminhão, o proprietário do veículo e familiares foram ouvidos na Central de Polícia Civil de Campina Grande. O condutor, que prestou socorro às vítimas, foi liberado e responderá pelo fato em liberdade.
“Além dos depoimentos colhidos, uma perícia já foi feita no local do acidente. Seguiremos juntando dados para darmos prosseguimento ao inquérito policial”, concluiu Gilson Teles.