Publicidades

Antony marca no início, São Paulo vence o Vasco e abre vantagem no G6

Sem muita dificuldade, com bastante tranquilidade. Foi assim que o São Paulo venceu o Vasco por 1 a 0 na noite desta quinta-feira, no Morumbi, pelo Campeonato Brasileiro. Nos minutos iniciais, Antony fez o gol que garantiria os três pontos para a equipe comandada por Fernando Diniz, abrindo vantagem para assegurar a vaga na fase de grupos na Conmebol Libertadores de 2020. O jogo não foi grandes coisas tecnicamente, mas o placar foi o suficiente para o objetivo da equipe.
Com o resultado, o São Paulo chegou a 57 pontos, na sexta colocação do Campeonato Brasileiro, abrindo quatro de diferença para o Corinthians, que vem logo a seguir. O Vasco ficou com 44 pontos, em 12º lugar. Ambas as equipes voltam a campo pela competição no fim de semana – enquanto no domingo os paulistas visitam o Grêmio, os cariocas recebem o Cruzeiro no dia seguinte.
GOL SAI RÁPIDO – O São Paulo foi para cima desde o começo, aproveitando falhas iniciais do Vasco. Com poucos segundos de jogo, Vitor Bueno mandou forte e obrigou o goleiro Fernando Miguel a fazer grande defesa. Mas não demorou muito para a equipe de Fernando Diniz sair na frente do marcador. Aos cinco, após cobrança de lateral na área feita por Reinaldo, a defesa falhou, a bola sobrou para Pablo, que achou Antony – ele, de primeira, não desperdiçou a oportunidade de colocar o 1 a 0 para o São Paulo.
Na frente, o São Paulo seguiu pressionando para ampliar o marcador ainda no primeiro tempo. O jogo foi caminhando sem muito perigo até o intervalo, quando aos 41 minutos Juanfran mandou para a área, achou Vitor Bueno, que cabeceou por cima. O panorama foi mantido no início da etapa final, quando o Vasco levou perigo pela primeira vez – aos 11, Marrony aproveitou cruzamento perfeito de Henrique e cabeceou, mas o goleiro Tiago Volpi foi muito bem para evitar o empate, mandando para escanteio.
A partida foi se aproximando do fim. O Vasco, nulo na criação, pouco fazia. O São Paulo, ciente disto, também não se esforçava, administrando a vitória então parcial construída nos minutos iniciais do jogo. Os sustos acabavam surgindo em lances isolados – como aos 33, quando Oswaldo Henríquez salvou em cima da linha em finalização de Arboleda. Fim de duelo, vitória do São Paulo por 1 a 0. Merecido? Sim. Mas poderia ter feito mais – ambas as equipes… Jogo foi bem ruim de se assistir.