Publicidades

Pagamento da segunda parcela do 13º salário para aposentados e pensionista começa hoje


O pagamento da segunda parcela do 13º salário para aposentados e pensionistas do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) começa nesta segunda-feira (25).

Os depósitos serão feitos até o dia 6 de dezembro, junto com o pagamento do benefício de novembro, conforme o calendário oficial de 2019. Para aqueles que recebem benefícios acima de 1 salário mínimo, o pagamento começa no dia 2 de dezembro. Veja mais abaixo o calendário.

Os valores serão depositados na conta corrente em que o segurado recebe o benefício mensal do INSS.

Segundo a Previdência Social, para quem quiser consultar o valor a receber, o contracheque já está disponível no site Meu INSS, no Extrato de Pagamento de Benefício.

A primeira parcela do 13º salário foi paga entre agosto e setembro. A antecipação de metade do 13º salário já costuma acontecer desde 2006, mas as decisões são tomadas anualmente. Este ano, no entanto, o governo editou uma medida provisória para tornou essa antecipação obrigatória.

Vale lembrar que é sobre a segunda parcela que pode incidir o Imposto de Renda. Os descontos ocorrem sobre o valor integral do 13º salário.

Quem tem direito
Tem direito ao 13º quem, durante o ano, recebeu os seguintes benefícios:
·                   aposentadoria de qualquer natureza
·                   pensão por morte
·                   auxílio-doença
·                   auxílio-acidente
·                   auxílio-reclusão
·                   salário-maternidade
No caso de auxílio-doença e salário-maternidade, o valor do abono anual será proporcional ao período recebido.
Não têm direito ao 13º salário aqueles que recebem:
·                   amparo assistencial ao idoso e ao deficiente (BPC-LOAS)
·                   renda mensal vitalícia (RMV)
·                   amparo previdenciário rural
·                   auxílio suplementar por acidente de trabalho
·                   abono de permanência em serviço
·                   pensão decorrente da Síndrome de Talidomida
·                   servidor aposentado pela autarquia empregadora
·                   salário-família
Fonte: G1