Publicidades

Jornalista Fabiano Gomes volta a ser preso, agora na Operação Calvário

A Polícia Federal na Paraíba e o Grupo de Atuação Especial de Repressão ao Crime Organizado do Ministério Público na Paraíba – GAECO/PB, com apoio da Controladoria Geral da União – CGU, deflagraram, na manhã desta terça-feira (10), a 8º Fase da Operação Calvário, com objetivo de investigar indícios de lavagem de dinheiro de recursos desviados de organizações sociais da área da saúde, por meio de jogos de apostas autorizados pela Loteria do Estado da Paraíba.
De acordo com as informações, o Radialista Fabiano Gomes que já foi preso na operação Xeque Mate onde investiga um esquema criminoso na prefeitura de Cabedelo, voltou a ser preso na manhã desta terça-feira (10) dentro da Operação Calvário.
Com o objetivo de impedir a investigação da Operação Calvário, o referido radialista estaria utilizando canais da imprensa para constranger os investigados ou potenciais investigados. Ele teria solicitado a eles uma quantia em dinheiro para não revelar nenhum conteúdo sigiloso sobre eles.
Ao todo, 55 policiais federais e cinco auditores da Controladoria Geral da União participaram do cumprimento dos mandados, que aconteceram nas residências dos investigados e no Tribunal de Contas do Estado da Paraíba.
As ordens foram expedidas pelo Desembargador Ricardo Vital de Almeida, do Tribunal de Justiça do Estado da Paraíba.
Da Redação 
Do ExpressoPB