Publicidades

Vídeos mostram aglomeração em cortejo fúnebre de prefeito de Ingá, PB, que morreu de Covid-19


Imagens feitas durante o cortejo fúnebre do prefeito de Ingá, Manoel Batista Chaves Filho (PSD), mostram centenas de pessoas aglomeradas enquanto homenageavam o gestor. 

Manoel da Lenha, como era popularmente conhecido, faleceu aos 64 anos na manhã desta quinta-feira (16), em um hospital localizado em Campina Grande.

A secretária de saúde adjunta do município e sobrinha do prefeito, Ezilãene Chaves Monteiro, disse ao Jornal da Paraíba que não houve velório e o sepultamento aconteceu no cemitério com portas fechadas. De acordo com ela, apenas a família presenciou o sepultamento.

Os vídeos mostram algumas pessoas sem máscaras e desrespeitando o distanciamento mínimo recomendado por autoridades de saúde.

Ezilãene Chaves informou também que a família de Manoel da Lenha providenciou que o falecimento do prefeito e os procedimentos fúnebres fossem anunciados em um carro de som. O veículo, conforme a secretária, percorreu as principais ruas da cidade pedindo que as pessoas evitassem se aglomerar para prevenir a propagação do novo coronavírus.

Como a entrada das pessoas não foi permitida no cemitério, elas se reuniram na frente do local. Motoristas em carros e motocicletas também fizeram um cortejo fúnebre.

De acordo com o último boletim divulgado pela Secretaria de Estado da Saúde (SES), nesta quinta-feira, a cidade de Ingá tinha 632 casos confirmados da Covid-19 e cinco mortes registradas.

Quem assume a prefeitura de Ingá é o vice-prefeito Robério Lopes Burity (PDT).


G1