Publicidades

Vereador acusa colega de parlamento de furto de celular e de ‘ter pacto com satanás’ – VEJA VÍDEO



O vereador José Roberto, conhecido como Roberto da Loteria, (PTC) subiu na tribuna da Câmara de Camaragibe, Grande Recife, para acusar o também vereador Antônio Oliveira, Toninho, (PP) de ter roubado seu celular.

José Roberto conta que comprou o aparelho durante uma viagem para Foz do Iguaçu, e afirma que o celular foi roubado na mesa da tribuna.

“O meu celular foi roubado aqui, nesta mesa. E eu falei com vossa Excelência, que me mandou olhar as câmeras, mandou os funcionários, o menino da câmera. E eu digo com propriedade, o celular estava aqui e foi roubado por Toninho Oliveira”, disse o parlamentar.

Roberto da Loteria afirmou, ainda, que Toninho não iria para “o céu”. “Tenho certeza absoluta que vossa Excelência não vai para o céu. Fique escondido uns 3, 5 anos no inferno, porque o inferno também não vai te aceitar.”

O discurso com acusações e xingamentos foi feito na sessão semanal da Câmara de Camaragibe, na terça-feira (25). Nesta quarta (26), a presidência do Legislativo publicou uma nota oficial nas redes sociais, “pedindo desculpas à população”,

Ainda no discurso, Roberto disse que Toninho entregou o suposto celular roubado a um filho e depois a um assessor. “Seu filho jogou o celular no canal. Achavam que tinham milhões de gravações contra ele”, declarou.

O segundo trecho, o mais curto, tem palavras de baixo calão. Roberto da Loteria fala sobre cargos e profere xingamentos contra Toninho.

Ele se referia a uma possibilidade de Toninho ganhar a eleição para a presidência da Casa novamente e sobre possíveis acordos envolvendo ocupações políticas na Câmara. “Você pega essas cargos e ….”

Na última parte, o parlamentar relata a relação do opositor com as religiões evangélicas. “Vossa excelência fala tanto em Deus e chora por Deus. Na verdade, acho que tem mesmo é um pacto com satanás”.

Após a acusação, Toninho, afirma que pedirá aos funcionários na casa que revisem as imagens e que se pronunciará quando tiver a “cópia da ata”. “Referente a todas as acusações, ainda bem que temos as câmeras de segurança, vou pedir para que os funcionários levantem [as imagens]. A acusação foi pesada mas no momento que eu tiver a cópia da ata darei a resposta ao vereador Roberto da Loteria e aos pais desta casa.”


CONFIRA O VÍDEO