Publicidades

Reunião da Justiça Eleitoral define regras da Propaganda Eleitoral, nas cidades de São Bento e Paulista

 


Uma reunião ocorrida, na manhã desta terça-feira (29), na sala de Audiência do Fórum João Agripino Filho em São Bento, envolvendo o juiz da 69ª ZE, Dr. José Normando Fernandes, o promotor da circunscrição eleitoral, Dr. Osvaldo Lopes Barbosa, a chefe do Cartório Eleitoral, Liliane Lourenço Andrade, representantes da Polícia Militar e de partidos políticos vigentes de São Bento e Paulista e das emissoras de rádio das duas cidades, serviu para definir as regras da Propaganda Eleitoral nas ruas e no meio radiofônico.

A escolha dos dias preferenciais para a prática de atos relativos à propaganda eleitoral de rua foi por meio de sorteio, iniciando-se nesta quarta-feira (30) até o final do pleito.

No município de São Bento, a Coligação Trabalho de Coração, cuja chapa majoritária é composta pelo Dr. Jarques Lúcio e Meladinha (CIDADANIA) começará o ciclo de atos de campanha de rua, seguida pela Coligação Desenvolvimento com Sentimento, que tem na majoritária Galego Souza (PP) e Jureia Lúcio (PROS). Na ordem, vem o Patriota, com os candidatos Mazinho Mota e Beto Bimba, para prefeito e vice-prefeito, respectivamente.

Na cidade de Paulista, a sequência ficou assim: o PL dará início à propaganda de rua, com os candidatos Valmar Arruda de Oliveira (prefeito) e Raimundo Ferreira (vice); Partido Verde, cujos pleiteantes são José Antônio da Silva para o cargo de prefeito e Abraão Xavier (vice-prefeito) e a Coligação Unidos por Paulista, tendo os candidatos Íris dos Santos Dantas (para prefeita) e Avelino (PP),  como vice-prefeito.

Em relação à emissora de Rádio geradora do Guia Eleitoral em São Bento, foi selecionada, através de sorteio, a Rádio São Bento FM, a qual ficará responsável por receber as mídias das agremiações partidárias, gerar a propaganda e repassá-la à Rádio Solidária F.M. para a posterior transmissão pelas 2 (duas) emissoras em suas programações nos períodos dispostos nos Arts. 52 e 60, II, da Res. TSE nº 23.610/2019.

Os condutores do encontro, o juiz Dr. José Normando e o promotor Osvaldo Lopes, avaliaram-no como positivo e esperam que as orientações sejam cumpridas e as normas sanitárias obedecidas, para não haver aglomerações nos eventos de campanha, em meio à pandemia.

FONTE: FalaPB e Leomarque Pereira